Rotina

Segunda era dia de TV, sua cabeça em meu colo. Terça era a sopa de feijão bem grossa,  pedaçuda e os assuntos do trabalho. Quarta era o sexo rápido depois do futebol, só um picote no cartão, não me exigia muito. Quinta tudo o que ele queria era a massagem em seu corpo já todo dolorido da lida na fábrica. Sexta, o cansaço, o sono mais rápido. Todo sábado não podia faltar o pastel na feira, a pizza, a cerveja, coisa simples. E toda santa manhãzinha de domingo, o sexo mais demorado, mas era fácil, eu meio dormindo deixava tudo. Raul era assim, todo regrado, de pequenos quereres e atenções, de nada reclamava, se contentava no raso. Anestesiada, custava pouco atender. Só uma vez disse não: foi quando ele perguntou se eu era feliz. Dois dias depois, pediu preu sair.

(*) “Vaca no carro amarelo”, by Ana Prata

Anúncios

5 respostas em “Rotina

  1. Laila, Betinha, Sheila e Plínio, que bom ter leitores tão refinados como vocês. Tanto estimulo me faz sempre buscar melhorar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s