A literatura futurista ganha adeptos

Aqui a resenha que fiz para a coletânea de contos “Paraíso líquido”, de Luiz Bras, melancolicamente lembrando da coleção Portal, da qual fiz parte na época, ainda assinando como Laura Fuentes. Um privilégio estar naquele time.

https://ficcaocientificabrasileira.wordpress.com/2018/08/11/paraiso-liquido/paraiso-liquido

Anúncios